Proposição artística: Pedro Malasartes e o couro misterioso – Teatro Faces MT

Por Arthur Galvão Serra

Pedro Malasartes, um herói?

Não é aquilo que dizia o refrão…

Pois um império não se constrói

Só com virtudes do panteão.

Esteja alerta a cada minúcia!

É preciso também muita astúcia,

Pois essa promessa de fortuna

Da rainha é armadilha oportuna –

Desta rainha que é falsiane –

Que atrai dos homens a ambição

E faz rolar cabeças ao chão

É cilada, Bino – não se engane,

Não tome bandeira do Japão

Por bandeira do comunismo,

Não viaje sem fazer turismo;

Nesta história não está em questão

A mão da princesa em casamento.

Não é bela, recatada e do lar.

A filha da vilã vai casar

Conforme seu próprio sentimento.

E a missão será descobrir a natureza

Da peça misteriosa de couro

Que traz em seus braços sua alteza.

Que tipo de manobras e artes

Para viver e ganhar os louros

Irá fazer Pedro Malasartes?

Texto escrito para o blog Parágrafo Cerrado , a partir da programação da 3ª edição do Festival Zé Bolo Flô, no período de 29/11/2016 a 06 /12/2016.

Anúncios